sexta-feira, 3 de junho de 2011

Reticências

Eu não sei o que deveria estar sentindo agora...
Pensar gera sempre, certo desconforto.
Não ter o que sentir, também... Mas isso não me interessa tanto assim afinal.

Arrumar os livros, que estão na mesa. Isso sim, me importa.

Pôr, cada coisa, em seu lugar,
me é assustador... Minha bagunça sempre me pareceu, tão mais fácil de entender.

Isso de tentar arrumar as coisas... Colocar sentimentos no lugar...
Se é que há um lugar, onde se possa colocá-los realmente...

Mas, quem falava em sentimentos...?
Falava dos livros e folhas, que preciso reorganizar...

O resto... Bem, o resto é apenas o resto. Já não me interesso.

É inútil...

6 comentários:

  1. .
    ..
    ...
    ....
    .....
    ......
    .......
    ........
    .........
    ..........

    ResponderExcluir
  2. O resto,é o que fica das sobras. Depois que estamos fartos, quase nada mais... Interessa.
    Abração e bom fim de semana.

    ResponderExcluir
  3. chega a ter um tom de humor nesse texto,não sei se fui meio estranho mas achei um pouco de humor. talvez fosse uma ironia escondida sei lá,só sei que gostei muito.

    ResponderExcluir
  4. Também senti uma pitada de humor... até porque lembrei que preciso fazer exatamente essas coisas, e tô aqui em frente do computador rs

    ResponderExcluir
  5. simplesmente verdadeiro...
    ainda prefiro minha bagunça

    ResponderExcluir