segunda-feira, 9 de maio de 2011

Oco

Vazio,
deitou-se ,
aqui,de lado,

É dia,
talvez,
anoiteça,

Meu peito,
quem sabe...

Amanheça;
vazio;feito vazo,
oco.

Deito, verso,
de lado,

Eu,
do ,meu ,
lado,

Deito;vazia;
dentro ou fora
de mim?

Vaza-me;oco;
o peito,
feito verso,
raso,dentro e fora,
de mim...                                           

Deito; rasa; por fim,

Verso, o oco,
de mim.

3 comentários:

  1. Tão bom a escrita pecadora, que peca por falta de pontuação, ou por excesso de pontos e pontos e vírgulas... curto reticências também...



    ...



    É só no oco do seu peito que corre um rio, mana.




    Bj!




    F.

    ResponderExcluir
  2. Hoje; teus versos me puseram... De olhos molhados.

    Abraço.

    ResponderExcluir
  3. Parece com a teoria do caos...
    De doer, mas bem como nos sentimos de vez em quando.

    ResponderExcluir