domingo, 3 de abril de 2011

7 horas em mim

Então vejamos o meu quadro atual:

19h10min da noite,
Um pouco mais um pouco menos,
não faz qualquer diferença.

Eu dormir a tarde inteira,
e, só quero esquecer...

Talvez um pouco mais...

São 19h14min agora.
Como se isso importasse,
eu ,só não tenho o que dizer.

Eu queria ser um silêncio,
Repousar assim longe de mim,
E perto...
...De um outro lugar.

19h16min, mais  alguns minutos,
Menos alguns minutos,
Você escolhe...

Eu queria estar além das horas,
tecer  instantes no infinito,
ou qualquer coisa lírica assim...

Mas é mentira,
é mentira...

19h20min,
Vou continuar contando.

        Não há motivos que me bastem,
ou, razões que me expliquem.

Agora tudo que eu quero é andar um pouco...
      Mas é muito tarde ou muito cedo. Não sei.
        O consciente não me é claro.

19h24min...
       19h25min...

               ... 19h28min.

Escaparam-me alguns segundos...

...Eu me escapei também.


19h29min...

Onde estive esse tempo todo...

...Dentro ou fora de mim?

19h30min.

   [Minha cabeça está girando lentamente,

O próximo minuto eu não conto.

Ainda mais lentamente, quase parando agora.]

              7 horas ,
          foram,assim,
             em mim, e eu, 
           senti,um não-sentir,
            qualquer...Nem vi,nem vi...

Eu dormir a tarde inteira...
...Só quero me esquecer agora.

Quadro atual:
                    19h38min. 

...

Um comentário:

  1. Agonia e êxtase.... êxtase?".... Eu me enganei, eu quis dizer tédio.... tédius.... sorte de quem sabe escrever e se expressar.


    Parabéns!

    ResponderExcluir